Como funciona a Escleroterapia

Inicial / Como funciona a Escleroterapia

A escleroterapia é um procedimento não cirúrgico muito utilizado no tratamento de microvarizes (vasinhos) e varizes, consistindo na obstrução de uma veia varicosa através de uma reação inflamatória induzida por um agente químico (esclerosante) ou pelo calor (laser). A veia tratada acaba sofrendo fibrose e sendo reabsorvida, o que faz com desapareça, deixando de causar distúrbios na circulação. 

Na escleroterapia química, são feitas injeções de uma substância esclerosante dentro do vaso, que causa irritação da parede da veia com consequente reação inflamatória. O esclerosante pode ser injetado na forma líquida (mais indicada para vasinhos e pequenas varizes) ou sob a forma de uma espuma densa (mais utilizada no tratamento de veias mais grossas). A escleroterapia com laser utiliza o calor para destruir a parede do vaso e pode ser usada para eliminar vasinhos do rosto, tronco e pernas.

Podem ocorrer um pequeno desconforto quando a agulha é inserida na veia ou no momento do disparo do laser, bem como uma leve sensação de ardência quando o líquido é injetado. Essas sensações são leves e temporárias e em geral não há dor importante e o procedimento é facilmente tolerado. 

Os diversos tipos  de escleroterapia podem ser associados em um mesmo paciente, para tratar vasinhos de características diferentes. O tempo de tratamento é variável e depende das características e da quantidade de vasos a serem tratados. A boa notícia é que raramente um vasinho ou variz que passou pelo procedimento volta a aparecer.

Quer saber se a escleroterapia é o mais indicado para o seu caso? Agenda já sua consulta.